Conheça o que é jardim sensorial e saiba como fazer um em sua casa

Promova bem-estar e contato com a natureza através do jardim sensorial.

0

Nós já sabemos que as plantas deixam qualquer ambiente mais bonito e aconchegante. Mas o efeito de ter um jardim em casa, mesmo em pequenos vasos, pode ser revigorante. Continue lendo para saber mais sobre o jardim sensorial.

Jardim sensorial

O jardim sensorial é aquele que estimula todos, ou pelo menos alguns, dos nossos sentidos.

Maria Cláudia Silva Garcia Blanco, engenheira agrônoma da Coordenadoria de Desenvolvimento Rural Sustentável (CDRS), explicou em entrevista ao Estado de São Paulo: “É muito comum a realização, por exemplo, de jardins de ervas que priorizam os sentidos do olfato e do paladar, além de ser um jardim também funcional, uma vez que as plantas são colhidas e podem ser utilizadas na culinária como aromatizantes, corantes e temperos”.

Jardim sensorial
Escolhas as melhores espécies para compor seu jardim sensorial.

Para experimentar o bem-estar promovido pelo contato com a natureza, não é necessário viver em uma casa grande. Um jardim sensorial pode ser feito em pequenos quintais, utilizando vasos verticais até mesmo em varandas de apartamentos.

Conheça algumas plantas responsáveis por estimular cada sentido:

Visão

Plantas floridas, folhagens de formatos diferentes, plantas com cores e tamanhos diversificados, formando um conjunto harmonioso. Podem compor esse conjunto as camélias, azaleias, primaveras, calêndulas, cavalinhas, os filodendros, hibiscos. Um bloco com plantas típicas de regiões áridas, como as cactáceas, como o mandacaru; as suculentas, como babosa; e, ainda, outras cercadas de seixos ou pedregulhos completando a ambientação.

Tato

Plantas com vários formatos e texturas e que possam ser tocadas, como carqueja, espada ou lança de São Jorge, boldo, peixinho, malvarisco, tuias, entre outras.

Olfato

Plantas aromáticas, como alecrim, tomilho, cidreiras, arruda, gerânio aromático e plantas com flores perfumadas, como jasmim, orquídeas, lavandas e gardênias.

Paladar

Plantas que podem ser degustadas, como os temperos, manjericão, orégano, cebolinha, salsa, sálvia, manjerona, hortelãs. E as flores comestíveis, como capuchinha e amor-perfeito. Entre os frutos, podem ser cultivados tomatinhos-cereja, morangos e laranja kinkan.

Audição

Para este sentido não são usadas plantas, mas instrumentos e recursos que emitem som, como os sinos de vento feitos com vários materiais como bambu, metal e outros, que proporcionam diferentes sons. As minifontes e minicascatas de jardim proporcionam o som tranquilizante da água corrente.

Leia também: Cactos na decoração: dicas para inserir a planta em ambientes internos

você pode gostar também